AVISOS GERAIS






NOTA DE REPUDIO
SAMBA ENREDO CARNAVAL 2020
ESCOLA DE SAMBA 
ESTAÇÃO PRIMEIRA MANGUEIRA
E pelo pseudo pastor Henrique Vieira

NOTA DE REPUDIO
Nós, Ministros evangélicos de diversas denominações evangélicas no Brasil, que formamos a magna convenção CONADEOM – CONVENÇÃO DAS ASSEMBLÉIAS DE DEUS E OBRAS MISSIONÁRIAS, por meio de conselho extraordinário, contactada pela sua mesa diretora, vem trazer a público, que em caráter irrevogável e irretratável, manifesta seu repúdio ao samba enredo de 2020 que a estação Primeira da Mangueira usará em seu desfile neste ano, no carnaval do Rio de Janeiro – RJ.
É de acordo com a maioria dos evangélicos a não participação de evangélicos em festas carnavalescas, pois entendemos que a mesma vai contrária a nossa fé. Entendemos que o CARNAVAL (FESTIVAL DA CARNE), NÃO CONTRIBUI PARA O BEM ESTAR MORAL, ESPIRITUAL, SOCIAL DOS CIDADÃOS, pois através de tal evento, a criminalidade, o consumo de drogas, a prostituição, proliferação de doenças como a AIDS, homicídios, entre tantos outros (não deixo de citar a destruição da família e seus valores).
Porém, mesmo assim pensando, nós, evangélicos, nada fazemos para impedir a realização de tal evento que faz parte do calendário brasileiro, pois entendemos que é um direito previsto por lei para os que deste evento apreciam.
Mas, ao que parece, a Escola de Samba Estação Mangueira resolveu debochar da pessoa bendita de Jesus Cristo, que é o alvo de nossa crença e de todos os cristãos deste país.
Estarão utilizando uma letra em seu enredo que ataca a nossa fé, caracterizando violação do direito de crença, vilipêndio de valores religiosos e sagrados a nossa fé, além de intolerância religiosa contra o cristianismo e desrespeito a Bíblia Sagrada.
O artigo 208 do código civil brasileiro afirma categoricamente que : “Escarnecer de alguém publicamente, por motivo de crença ou função religiosa, impedir ou perturbar cerimônia de prática de culto religioso, VILIPENDIAR PUBLICAMENTE ATO OU OBJETO DE CULTO RELIGIOSO” traz como pena detenção de um mês a um ano, ou multa”. Vilipêndio de objeto de culto religioso caracteriza-se por qualquer tipo de ultrage de qualquer coisa que serve para a comunicação ou reverencia do homem coma  Divindade, constituindo assim também crime contra o sentimento religioso, pois escarnece de coisa ou pessoa utilizada ou cultuada em culto religioso.
E repudiamos mais ainda a atitude de um cidadão que participa deste ataque a nossa fé, uma verdadeira blasfêmia contra o Nosso Senhor Jesus Cristo. Se trata do pseudo-pastor Henrique Vieira, da Igreja Batista do Caminho, que fica na Gávea, Zona Sul do Rio de Janeiro. O enredo, intitulado “A verdade vos fará livre” tem causado bastante polêmica por trazer a figura de Jesus defendendo diversos temas contrários às crenças cristãs para a avenida.
A conduta deste cidadão não condiz com a ética de um pastor, portanto, nós não o reconhecemos como tal, aliás, nem mesmo como cristão, e lamentamos a atitude este cidadão, que conhece a Palavra de Deus, porém, não demonstra não viver em concordância com a mesma, e portanto, não tem como sequer considera-lo como cristão, muito menos como ministro do evangelho.
A participação deste cidadão nesta festa que consideramos pagã, não deve jamais ser considerada como um ato cristão. Se trata de um ato isolado de apostasia. O mesmo já é conhecido por frequentemente promover conceitos completamente contrários à Palavra de Deus. Além de defensor da teologia liberal, Henrique Vieira relativiza as Escrituras promovendo conceitos absolutamente antagônicos a Palavra de Deus, justificando o pecado, defendendo o aborto, negando portanto valores tão caros à ortodoxia evangélica, provando que desconhece conceitos bíblicos fundamentais como o pecado.
Entendemos que esse senhor além de não representar os evangélicos desconhece o significado do conceito bíblico de pecado, amor e justiça, demonstrando com isso nunca ter conhecido de fato àquele que advoga conhecer.
Portanto, como evangélicos e ministros do Evangelho, representantes da CONADEOM, que é uma instituição evangélica genuína, que prega o genuíno Evangelho do Senhor Jesus Cristo, REPUDIAMOS A ESCOLA DE SAMBA ESTAÇÃO PRIMEIRA DA MANGUEIRA e o pseudo-pastor Henrique Vieira, por sua cooperação neste ato de vandalismo religioso contra a fé cristã e contra maioria da população brasileira.
Sem mais,

AP MILTON MACHADO RABAYOLI
PRESIDENTE GERAL CONADEOM




2- 2° ENCONTRO DE OBREIROS E AMIGOS DA CONADEOM NO ESTADO DO ESPIRITO SANTO

DE 12 A 14 DE ABRIL DE 2019
LOCAL ASSEMBLEIA DE DEUS MINISTERIO CRISTO PARA TODOS
PR JOSE SIMOES FILHO
RUA SAO VICENTE, 161 -BQIRRO SAO JOSE
GRANDE SAO PEDRO -VITORIA - ES


1- CANCELAMENTO DE PARCERIA COM A AETESB ( RIO DANEIRO / RJ)




Ao redor do mundo